Conclusão de mais uma ETAR

Oct 6, 2020

A AMBIÁGUA concluiu mais uma empreitada – a Estação de Tratamento de Águas Residuais, em Espadanedo, no concelho de Cinfães. Para além da população de Espadanedo, a nova ETAR servirá também a população de Tarouquela.

Esta empreitada contemplou a Construção de Nova ETAR em Espadanedo; construção de rede de emissários intercetores de Espadanedo; arranjos exteriores para enquadramento paisagístico na zona e execução de emissário de descarga no Rio Douro.

A ETAR foi dimensionada para 1250 habitantes, de modo a garantir o tratamento dos efluentes da rede projetada do Subsistema de Tarouquela/Espadanedo, cuja chegada à ETAR é garantida por meio do Intercetor de Espadanedo, cuja construção se inclui no âmbito da Empreitada. Esta localiza-se num junto à margem do Rio Douro, onde é descarregado o efluente final tratado, cumprindo as exigências legais de tratamento. Tendo em conta a população a servir, o modo de funcionamento desta ETAR assenta num processo de tratamento biológico pelo sistema de lamas ativadas de baixa carga orgânica, com tempo de retenção de lamas prolongado. De forma concreta, trata-se de um processo biológico de lamas ativadas, por meio de membranas planas.

O processo de tratamento da ETAR de Espadanedo, inclui duas fases distintas, nomeadamente, tratamento da fase líquida, onde se procede ao tratamento do afluente propriamente dito e, da fase sólida, resultante do primeiro, que consiste na remoção das lamas em excesso, armazenamento e espessamento, para posterior reencaminhamento a destino adequado.

outras noticias